Bico longo atualiza o sapato social masculino

BICO

O bico fino e longo – fácil de encontrar nos sapatos femininos – é agora moda nos calçados de couro para os homens. A onda veio da Itália, a capital da moda masculina, onde os homens já estão acostumados às vanguardas. Lá os sapatos bicudos são o complemento perfeito para os ternos e costumes justos. No Brasil, mais conservador e onde a maioria dos homens usa costumes de tamanho maior, a tendência vinha surgindo tímida na última estação. “Lançamos este modelo alongado na Francal, em julho, e os primeiros pares já estão chegando às lojas”, diz Tom Mello, diretor da Samello, fabricante de Franca (SP). “Acreditamos que ele vai agradar principalmente os homens com estilo moderno, menos resistentes a novidades.”

Nesse caso, a mudança parece ser para melhor, pelo menos na opinião dos fabricantes. “O pé fica com um desenho bonito e o homem, elegante”, afirma Julius De Vita Dreyfuss, proprietário da Sapataria Cometa, de São Paulo, em atividade desde 1965. Depois de pesquisar as passarelas internacionais, decidiu incluir a nova fôrma na coleção, mas com adaptações. “O brasileiro costuma ter o pé mais alto e mais largo do que o europeu, portanto, tivemos de mexer no desenho, para calçar melhor.”

E não é só. Apesar do design modernoso, o bico longo deixa o sapato efetivamente mais comprido do que o modelo social clássico. Ou seja, a modificação vai além da questão estética e pode alterar até a forma de caminhar. Isso porque, para não apertar os dedos, os fabricantes precisam alongar toda a fôrma e o efeito é uma “sobra” na ponta dos pés. “Para ficar confortável, o sapato de bico longo precisa ser quase dois números maior”, diz Sérgio Rocha, proprietário da grife mineira Sergio´s, com 31 anos de atividade, sete lojas em Belo Horizonte e 37 franquias, pelo país. No catálogo de verão da Sergio´s, há um modelo de couro cor de pinhão, gáspea franzida, bico longo e com a ponta quadrada. Uma ousadia para os padrões do consumidor brasileiro. “O Brasil não pode ficar fora do contexto da moda. Estes novos calçados de couro tem um ar contemporâneo.”

De acordo com Dreyfuss, da Cometa, o cliente tem se mostrado receptivo à novidade. “O sapato social não perdeu suas características, só evoluiu.” E para atender os novos tempos, atenção: o modelo bicudo não vai bem com qualquer costume. Ele pede paletós e calças ajustados no corpo, para dar equilíbrio.

Andréa Chioca Rinaldi, gerente de marketing e comunicação da Democrata, de Franca (SP), acredita que o modismo será amenizado no inverno 2010. “A partir daí, o bico não estará tão longo e será mais arredondado”, diz Andréa. A Democrata produz 8 mil pares de calçados de couro por dia em sua unidade de Franca e em mais duas no Ceará. A tendência mais forte para o próximo inverno, diz Andréa, virá dos calçados esportivos. “A moda masculina está constantemente ficando mais casual, portanto acredito no predomínio dos ‘sapatênis’ e dos calçados esportivos mais largos e confortáveis.”

Quer receber mais notícias como esta? Cadastre-se aqui!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: