Prepare-se para lucrar com eventos sazonais

12/03/2012

Para ficar alinhado ao calendário de promoções sazonais, especialistas aconselham a elaboração de um bom planejamento para evitar prejuízos. Foto: Shutterstock/Especial para Terra

Foto: Shutterstock/Especial para Terra

Para ficar alinhado ao calendário de promoções sazonais, especialistas aconselham a elaboração de um bom planejamento para evitar prejuízos

As datas comemorativas, como Páscoa, Dia das Mães, Natal, são períodos que podem representar uma boa lucratividade adicional para o comércio e para a indústria. Para o Gustavo Carrer, consultor do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas de São Paulo (Sebrae-SP), todo empreendedor deveria ao menos estudar as possibilidades que esses eventos comemorativos podem trazer. “O empresário deve estar sempre atento ao calendário promocional. Ele pode encontrar boas oportunidades de negócio com essas datas, fazendo uma promoção temática ou oferecendo produtos relacionados ao evento.”No setor de alimentação, a Páscoa aparece como uma das mais tradicionais datas do calendário promocional. De acordo com a Associação Brasileira da Indústria de Chocolates, Cacau, Amendoim, Balas e Derivados (Abicab), em 2011 foram produzidas 18 mil toneladas de chocolate durante a Páscoa, representando um aumento de 7% em relação ao mesmo período de 2010.

Para 2012, o mercado continua com expectativas de dar água na boca de qualquer empreendedor. Segundo a Abricab, desde fevereiro, mais de 800 mil pontos de venda estão recebendo cerca de 80 milhões de ovos. Para suprir a demanda que o setor gera durante o período que antecede Páscoa até o dia da comemoração, foram geradas mais 20 mil vagas de empregos temporários (o dado se refere somente às empresas associadas à Abicab).

Como se preparar
Não basta apenas querer participar do calendário de boas datas para o comércio – é necessário preparação. O planejamento, observação do mercado e análise da situação financeira do negócio são ingredientes essenciais para o sucesso com as ações. Segundo especialistas, o estabelecimento precisa ser preparado com no mínimo 60 dias de antecedência.

De acordo com o consultor do Sebrae-SP, para começar, será necessário fazer uma análise de investimento e do público-alvo. “O empreendedor tem que fazer uma pesquisa dentro da própria clientela. Ou, simplesmente, fazer um teste. Incluir produtos novos relacionados à data e ver se o público aceita. Mas com cautela, para que não haja prejuízo”, aconselha o Carrer. “Como é um tiro no escuro, às vezes ele pode investir uma alta quantia na novidade e pode acabar faltando verba para a compra dos produtos que já são fidelizados ao empreendimento.” Para quem está se iniciando, uma boa estratégia, segundo ele, pode ser “entrar com mais cautela nesse ano e, se perceber que é rentável, entrar com toda força no próximo”.

Divulgação é umas das vertentes mais importantes de um negócio, e isso também vale para as datas específicas. Para Fernando Campora, sócio-diretor do Grupo Cherto, consultoria especializada no desenvolvimento e implementação de estratégias de canais de marketing e distribuição, o empreendedor precisa fazer uma boa propaganda com os clientes, mostrando que aquele comércio também oferece um belo presente para o Dia dos Namorados, por exemplo. “Ele deve informar ao público que passou a fornecer produtos especiais para datas especiais. Não adianta só colocar nas prateleiras; tem de divulgar de alguma forma.”

Fonte: Cross Content – Especial para o portal Terra

 image

icone-facebookicone-twittericone-linkedin

Anúncios

Mercado de franquias ganhou 185 redes em 2011, estima Associação Brasileira de Franchising

17/02/2012

A Associação Brasileira de Franchising (ABF) estima que 185 novas redes tenham surgido no Brasil em 2011 – os dados ainda não foram consolidados. Isso representaria um acréscimo de 10% em relação às 1.855 franqueadoras registradas no País até 2010 e mais oportunidades de investimento para candidatos a franqueados.

Para ajudar os futuros empresários a analisar as novas opções do mercado, o Estadão PME ouviu especialistas e listou os benefícios que as redes estreantes podem oferecer e também os cuidados que o candidato deve tomar antes de investir em uma nova marca. Confira:

BENEFÍCIOS

Espaço para crescer
Enquanto redes mais famosas têm filas de candidatos e poucas regiões disponíveis para abertura de novas unidades, as novas franquias apresentam situação oposta. “O mercado ainda não foi explorado pela marca, os melhores pontos não foram ocupados e o candidato que quiser abrir mais de uma loja terá espaço para crescer com a rede”, aponta Filomena Garcia, diretora da consultoria Franchise Store.

Preços mais baixos
No início da expansão de uma rede, o preço da taxa de franquia tende a ser mais barato. É possível, em alguns casos, conseguir desconto e esticar o prazo de pagamento de outras taxas.

Seleção menos rigorosa
Redes já estabelecidas normalmente exigem que o candidato a franqueado tenha experiência anterior no mundo dos negócios – caso contrário ele não é aprovado. Já as redes novas costumam ser menos rigorosas nesse aspecto. “Normalmente, o franqueador está disposto a treinar mais os primeiros franqueados, por isso torna-se um pouco mais flexível na hora de selecionar os candidatos”, analisa Filomena.

CUIDADOS
Mercado sem barreira de entrada
O primeiro ponto a ser analisado por um candidato a franqueado é o mercado de atuação da marca. Ele está saturado? Há espaço para uma nova marca? O setor é promissor? Caso o modelo de negócio seja muito simples e outras empresas possam copiá-lo facilmente, é provável que a nova marca ganhe muitos concorrentes em um curto espaço de tempo – como recentemente ocorreu com as temakerias e iogurterias.

Modelo de negócio mal estruturado

O trabalho de estruturação da rede deve ser anterior à venda de franquias. Ou seja, antes de começar a selecionar investidores, o franqueador já deve ter planejado o sistema logístico da rede, o plano de marketing e expansão, além de detalhar todos os custos e definir preços de produtos e taxas. O programa de treinamento e consultoria de campo também precisam estar prontos. “O candidato deve questionar cada um desses detalhes e pedir também para que o franqueador fale sobre o trabalho dos concorrentes. Assim será possível averiguar se ele estudou bem o mercado”, recomenda Filomena. A análise minuciosa do contrato de franquia também é essencial.

Histórico do franqueador
Quando uma marca não é conhecida, quem deve conferir credibilidade à empresa é o empresário que a frente do negócio. É imprescindível se informar sobre o histórico de realizações profissionais do franqueador, assim como sua idoneidade e formação técnica. “Caso a empresa tenha sido criada por alguém sem experiência no mundo dos negócios, é recomendável que ela conte com apoio de uma consultoria especializada na formatação redes de franquia”, analisa Filomena.

Expansão superestimada
Redes que fazem planos de expansão muito ambiciosos e muito acelerados passam a impressão de serem simplesmente caça-níqueis.  Antes de vender uma franquia, o ideal é que o franqueador tenha pelo menos duas unidades próprias em funcionamento, em operação há dois anos. “Também é recomendável que o plano de expansão seja mais conservador no primeiro ano das redes de franquia”, avalia Filomena. “Uma empresa deve vender cerca de 10 unidades no primeiro ano, para poder ter tempo de dimensionar a estrutura de atendimento aos franqueados. Só no segundo ou terceiro ano de Franchising é que a expansão pode ganhar um ritmo mais acelerado.”

Fonte: Estadão PME

image

icone-facebookicone-twittericone-linkedin


Um painel completo de informações sobre o mercado de franquias

05/10/2011

As duas edições do Workshop sobre franquias realizadas pela Franchise Store foram um sucesso! Os clientes pediram e nós ouvimos! Estamos realizando a 3° edição do Workshop, um painel completo de informações sobre o mercado, tudo o que você precisa saber para investir num negócio próprio! Não perca esta oportunidade!

franchise1

imageicone-facebookicone-twittericone-linkedin


Apresentação do segmento VESTUÁRIO e as melhores oportunidades de investimento!

13/09/2011

A Franchise Store realiza eventos sobre os diversos segmentos de mercado e as melhores oportunidades de investimento. Se você ainda não conseguiu participar dos nosso eventos, aproveite para participar do último evento, do segmento de VESTUÁRIO, do ano.

São as últimas apresentações, no ano, sobre os SEGMENTOS DE MERCADO. Participe!

Confira o convite abaixo e confirme sua presença! Aproveite para convidar os seus amigos, eles podem estar interessados em investir em uma franquia!

Vestuario

imageicone-facebookicone-twittericone-linkedin


MBA 60 Segundos

15/08/2011

MBA60Segundos 

1% faz diferença

Para Pensar / Pequenas dicas, grandes mudanças

Marcelo-Cherto-Recortada (2)

Marcelo Cherto

Presidente do Grupo Cherto — formado pela Cherto Consultoria, especializada no crescimento sustentável de organizações, e pela Franchise Store, uma loja que comercializa franquias. É membro da Academia Brasileira de Marketing e do Conselho Consultivo Global da Endeavor. Autor e co-autor de 12 livros e mais de 2.500 artigos publicados no Brasil e no Exterior, foi eleito pela Revista Marketing um dos profissionais mais influentes do Marketing brasileiro.

image

image


Marcelo Cherto lança série Os Sete pecados Capitais do Franchising

14/06/2011

O empresário Marcelo Cherto lançou recentemente, na internet, uma série com os sete pecados capitais do franchising.

No primeiro episódio, sobre a Ira, Cherto aborda as relações entre franqueados e franqueadores.

Segundo ele, por se tratar de um segmento com muitos pequenos e médios empresários, as relações com os franqueadores podem ter uma dose carregada de emoções, o que prejudica as duas partes.

A série ainda conta com outros seis episódios, que podem ser acessados através do link: http://vimeo.com/22899157

image


Evento de apresentação do segmento de Serviços – Participe!

09/05/2011

Convite_Servicos

image