Visite o novo site www.franquia.com.br

23/07/2013

Pessoal, não atualizaremos mais o blog – mas é por um bom motivo! Queremos que vocês acompanhem as novidades sobre o mercado de franquias diretamente pelo nosso site (www.franquia.com.br) e também pelas páginas da Franchise Store no Facebook e no Twitter.

No nosso novo site, vocês encontram notícias atualizadas diariamente, artigos escritos pelos maiores especialistas em Franchising do Brasil, orientações sobre o que considerar antes de investir em uma franquia, além de informações detalhadas sobre as principais redes franqueadoras do país.

Agradecemos a audiência aqui no blog e aguardamos vocês em www.franquia.com.br.

Equipe Franchise Store


Para evitar decepções com franquias e franqueados

15/09/2011
A rede tem medo de escolher o franqueado errado. O candidato desconfia das promessas da franquia. Qual a saída para evitar conflitos? Fazer um test drive

image

Regina Jordão: testes para saber se o candidato não se empenha ou trata mal os funcionários

Concessionárias de automóveis costumam oferecer ao cliente em potencial a possibilidade de dar algumas voltas no carro antes de assinar contrato.

A vantagem, para elas, é melhorar a credibilidade e diminuir o índice de reclamações. Para o consumidor, é a chance de descobrir — antes que seja tarde — se o veículo atende às suas necessidades.

Seguindo uma lógica parecida, diversas redes de franquias vêm oferecendo aos potenciais franqueados a alternativa de conhecer de perto o dia a dia da operação antes de fechar negócio. No test drive das redes, os interessados em adquirir uma franquia são convidados a realizar todas as atividades em uma unidade já em funcionamento.

Normalmente, eles permanecem de um a três dias, desde a abertura da loja até a saída do último funcionário. "Ver a pessoa em ação diminui a possibilidade de escolher alguém com perfil inadequado", afirma Filomena Garcia, sócia-diretora da consultoria Franchise Store.

Leia a matéria completa no Portal Exame:

http://exame.abril.com.br/revista-exame-pme/edicoes/0039/noticias/para-evitar-decepcoes

imageicone-facebookicone-twittericone-linkedin


Universidade do franchising

16/08/2011

image Com foco em quem pensa em franquear o seu negócio ou quer atuar em empresas franqueadoras, a área de Educação Corporativa da Cherto Consultoria, empresa especializada em planejamento e ações para as empresas crescerem e ocuparem mercado promove a 55ª edição da Franchising University, curso intensivo de formação de executivos, de 22 a 26 de agosto, em São Paulo.
O programa apresentará, na teoria e na prática, o funcionamento completo de uma rede de franquias, desde a estratégia inicial de expansão, até a implantação e gestão da mesma. O programa conta com a apresentação dos cases CNA e Localiza, além de palestras de especialistas do setor. No último dia, os participantes visitarão a Sorridents, maior rede de clínicas odontológicas do Brasil, com a finalidade de conhecer de perto o funcionamento de uma franqueadora bem sucedida. O curso já formou mais de 3 mil profissionais desde sua criação em 1993.

image


Nina Fiori – Marca de bijuterias finas abre unidade em Indaiatuba, interior de São Paulo

03/08/2011

 image

A Nina Fiori chega a cidade de Indaiatuba para oferecer sua coleção exclusiva de bijuterias finas e acessórios. A marca acaba de inaugurar uma unidade no Polo Shopping, centro de compras que pretende receber mais de 6 milhões de pessoas esse ano.
A loja com 43 m², formato que mescla elegância e bom gosto. A expectativa é vender cerca de 1,6 mil peças todo mês, especialmente as bijuterias produzidas com metais que recebem acabamento em ouro, ródio e prata. A rede conta hoje com seis pontos de venda e pretende fechar 2011 com 15 loja em operação e mais dez contratos fechados.
A próxima inauguração será no Shopping Plaza Sul, na capital paulista, em agosto. Outras nove unidades serão inauguradas até dezembro.

image


SORRIDENTS INAUGURA A PRIMEIRA UNIDADE EM NATAL

03/08/2011

Seguindo a filosofia de oferecer acesso às pessoas com menor renda, a rede inaugura a primeira clínica no município, carente de serviços odontológicos de qualidade

 imageA Sorridents, maior rede de clínicas odontológicas da América Latina, anuncia a inauguração da primeira clínica em Natal, Rio Grande do Norte, em julho. Com esta abertura, a rede chega a 120 unidades em funcionamento, em oito estados brasileiros. A meta é abrir mais 10 clínicas no país até dezembro.

O aumento de renda da Classe C e D também no Nordeste nos possibilitou expandir para a região, que é um mercado ainda bastante promissor no setor de saúde. A parceria que temos com o Banco do Nordeste também oferece aos empreendedores uma grande possibilidade de adquirir uma clínica”, avalia Alexandre Sita, diretor de negócios da rede. Até 2016, o objetivo é atingir 500 unidades contemplando todas as regiões do País.

A chegada da Sorridents em Natal é muito promissora já que a cidade possui uma carência de bons serviços odontológicos. “Fizemos um estudo de mercado para saber o real potencial do mercado de odontologia na cidade e percebemos que ainda são poucas as clínicas que oferecem bons serviços voltados para a população de renda mais baixa. E foi este o grande motivo pelo qual resolvi investir em uma Sorridents”, ressalta o franqueador Dimitri Cavalcanti Monteiro.

Monteiro já trabalha com medicina popular há sete anos em municípios do interior do Rio Grande do Norte o que lhe proporcionou uma larga experiência da necessidade deste público. “Conheci a Sorridents por meio do trabalho com a Classe C e D que a empresa desenvolve e me interessei em trazer o serviço para Natal, que não tem nada no mesmo patamar”, relembra.

Sorridents Natal – Rio Grande do Norte

Av. Coronel Estavam, 1271 – Alegrim – Rio Grande do Norte

Tel.: (84) 2010-1413

Mais sobre

www.sorridents.com.br

A Sorridents foi fundada em 1995 no bairro de Vila Císper, zona leste da capital paulista, pela dentista Carla Renata Sarni. Hoje, a Sorridents é a maior rede de clínicas odontológicas do País com 163 unidades negociadas pelo Brasil.

O foco voltado para ações sociais é uma das marcas da rede de franquias. Crianças são atendidas por equipes de dentistas voluntários do projeto "Adote uma criança Sorridents", realizado especialmente em bairros mais carentes das cidades em que a rede possui clínicas em operação.

Dados de Investimento:

Sorridents

Franquia Padrão

Investimento total

R$ 350 mil

Taxa de franquia

De R$ 45 a 65 mil (inclusa no investimento total)

Média de faturamento bruto por mês

R$ 100 mil

Lucro líquido mensal

De 25%

Capital de giro

De R$ 30 a 50 mil

Royalties

Taxa mensal de 6% sobre o faturamento bruto

Fundo de publicidade

Taxa mensal de 2% sobre o faturamento bruto

Retorno do investimento

De 24 a 36 meses

Prazo do contrato

Cinco anos

Ano de fundação

1995

Início no sistema de franchising

2005

Site

www.sorridents.com.br

image


Empório Bijux reinaugura loja no Shopping Recife!

09/02/2011

No dia 04/02 a Empório Bijux reinaugurou a loja no Shopping Recife, agora sob a responsabilidade do empresário William Jatobá e sua esposa Karla, que satisfeitos com o sucesso das outras duas lojas da rede que já dirigem, decidiram abrir a 3ª unidade da franquia: “Acredito na Marca e também nas pessoas que fazem parte desta Franquia. O suporte e resultado obtido nas primeiras lojas nos encorajam a alçar vôos ainda maiores”, explica William.

clip_image001_thumb[1]

Uma loja com espaço total de 45m², proporcionando muito conforto para as clientes.Além de amigos, parceiros e clientes, o casal recebeu com muito carinho a presença do dono da marca, Habib Salem, o que os deixou muito felizes!

clip_image004_thumb[1]Realmente um acontecimento mais do que especial!

clip_image003_thumb[1]

Um dos diferenciais da loja é trazer tudo que a moda oferece para a mulher no segmento de acessórios. Com a reinauguração, a loja ficou mais bonita, funcional e diversificada.

image


Como são feitos os processos de seleção de franqueados no mundo?

14/01/2011

image O psicólogo australiano Greg Nathan, 54 anos, há 30 anos roda o mundo tentando explicar o complicado relacionamento entre franqueado e franqueadores. Em entrevista exclusiva à Pequenas Empresas & Grandes Negócios, ele revela como fazer para essa parceria dar certo:
O sr. costuma dizer que a satisfação de um franqueado não é um destino, mas um processo. Como esse processo começa?
Um processo é como uma jornada. Quando falo de satisfação de franqueados coloco em questão como a relação é conduzida enquanto durar essa jornada de negócios. Não se trata de entregar alguma coisa a alguém e partir para a próxima etapa. Não é isso. Não tem como cumprir todos os deveres e seguir adiante. É uma relação como outra qualquer, com altos e baixos e que muda de acordo com fatores externos: coisas inesperadas acontecem, as prioridades mudam, as pessoas ficam ansiosas, bravas, culpam umas às outros pelo que as aflige. Muitas coisas também acontecem internamente nas pessoas: as perspectivas mudam, as prioridades mudam, elas ficam mais velhas, ganham experiência. O que era muito importante em um determinado momento da vida, deixa de ser importante num segundo. Eu posso dar um exemplo: quando um franqueado entra na rede, a prioridade inicial é entender e aprender sobre o negócio. Nesse momento existe uma dependência do franqueador. Eles esperam que a rede mostre o que eles devem fazer. Há até mesmo um senso comum entre os franqueados de primeira viagem de que o franqueador sabe mais do que eles e por isso devem estar prontos para fazer o que eles desejam. Eu diria que é um comportamento natural, mas que pode ser arriscado se o franqueador não tiver experiência para passar para o franqueado. Mas se o franqueador for ético e competente, essa entrega inicial pode ser benvinda. O fato é que se você está entrando em um novo negócio, precisa ter uma certa humildade para começar e estar preparado para aprender. O que acontece é que, com o passar do tempo, uma vez que se aprende sobre o setor de atuação e o negócio, o franqueado não precisa mais desse tipo de informação inicial. Ele fica mais confiante, tem muito preparo técnico e também não precisa de conselhos e dicas. Muitas vezes o franqueado se sente melhor que o franqueador no nível técnico, porque ele está tocando o dia a dia dos negócios, enquanto o franqueador, na maioria das vezes, está dentro de um escritório.
E como muda a relação nesse momento?
As necessidades dos franqueados mudam. O que eles buscam no início é apoio e treinamento, e a partir desse ponto do relacionamento o que eles querem é respeito. Porque eles querem ser tratados de igual para igual. De fato, eles pensam que sabem mais que os franqueadores. Então, nesse momento eles percebem que estão tocando o negócio próprio e que o sucesso provavelmente se deve mais ao duro trabalho do dia a dia do que à ajuda do franqueador. E eles querem ser reconhecidos por isso. Então, se o franqueador continua a tratá-los da mesma maneira, isso pode levar a uma série de problemas no relacionamento. Essa mudança é muito sutil, mas muito poderosa. Pode estragar a relação…

Para ter acesso à entrevista na íntegra, acesse o site: http://revistapegn.globo.com/Revista/Common/0,,EMI125551-17172,00-P+COMO+SAO+FEITOS+OS+PROCESSOS+DE+SELECAO+DE+FRANQUEADOS+NO+MUNDO.html

image